Garota de 22 anos morre e filhos gêmeos desaparecem logo após encontro - Portal Tem de Tudo Tocantins

Publicidade

Post Top Ad

Garota de 22 anos morre e filhos gêmeos desaparecem logo após encontro

Share This
Familiares de Izabella Gianvechio, de 22 anos, encontrada morta em Aramina, interior de São Paulo, clamam por justiça e por informações dos gêmeos desaparecidos. A jovem de Uberaba foi encontrada morta com um ferimento na cabeça às margens da Rodovia José Schavotelo, perto de um trevo de acesso à Rodovia Anhanguera, na noite da última quinta-feira (12). O principal suspeito do crime, um homem de Sacramento, de 48 anos, que seria o pai dos gêmeos Ana Flavia e Lucas, está foragido. 
A mãe de Izabella, que preferiu ter a identidade preservada, fez um apelo. "Quero os bebês de volta. A mãe deles morreu,
mas vou criá-los", desabafou.
Tereza Marques é tia da vítima e ressaltou que qualquer informação é importante no caso. "A família inteira está sensibilizada. Se alguém ver os meus sobrinhos avise a polícia e nos procure", pediu.
Izabella chegou a ser enterrada sem que fosse reconhecida, mas uma equipe de investigação em Uberaba, ao saber da localização do corpo, solicitou fotos da vítima e confirmou que se tratava da jovem. O pai da vítima foi neste sábado (14) à delegacia de Aramina (SP), onde oficialmente reconheceu que a pessoa encontrada morta é a filha, por intermédio de fotos. O corpo foi enterrado neste domingo (15) no cemitério Nossa Senhora da Medalha Milagrosa, em Uberaba. 
O principal suspeito do crime é um homem de Sacramento, de 48 anos, que seria o pai dos gêmeos. Ele é casado e está foragido. Familiares da vítima informaram que o suspeito ligou para Izabella na quinta-feira e, alegando querer assumir a paternidade, marcou um local para que pudesse ver as crianças. O pai da vítima disse que, desconfiado das motivações do encontro, um cunhado de Izabella seguiu o carro, mas que perdeu o veículo de vista e que não os viu mais desde então. 
Fonte:G1

Post Bottom Ad