Quatro pessoas foram brutalmente assassinadas - Portal Tem de Tudo Tocantins

Publicidade

Post Top Ad

Quatro pessoas foram brutalmente assassinadas

Share This


Quatro pessoas foram encontradas mortas, na madrugada da última segunda-feira (25), no sítio Tapaúna, zona rural da cidade de Taquarana, Agreste de Alagoas. Segundo informações do 3º Batalhão de Polícia Militar, a casa onde eles estavam foi incendiada.Segundo informações pai, mãe, filho, além de um amigo da família teriam sido mortos a golpes de faca. As vitimas foram identificadas como Maria José Silva de  53 anos,  José Joaquim dos Santos de 60 anos e Genival Silva 27 anos. Além deles, também foi morto um amigo da família, que morava na casa, identificado como Dionísio Maurício dos Santos de 64 anos.Três  corpos foram encontrados do lado de fora da casa e um outro em um quarto próximo a casa da familia.  Segundos os moradores do local não há informações sobre a motivação da chacina, já que a família é de trabalhadores rurais. Dentro dessa casa que foi incendiada foi encontrada uma moto que também foi carbonizada. O fato dos criminosos não terem roubado a moto descarta a possibilidade de latrocínio, ou seja roubo seguido de morte. Ainda na tarde desta segunda-feira a Polícia Civil prendeu dois suspeitos de terem participado da chacina. Um adolescente de 15 anos também foi apreendido. De acordo com o delegado da Regional de Taquarana, Eraldo Brasil, após constatar o crime, a polícia começou a realizar diligências em tentativa de localizar os suspeitos. "Procuramos saber na região quem tinha 'farrado' e estava nas proximidades. Foi aí que encontramos essas pessoas", explicou.  Ainda de acordo com Brasil, o grupo foi encaminhado à delegacia da cidade para prestar depoimento. "Um fica acusando o outro. Vamos apurar, mas as primeiras informações dão conta que nenhum deles tem antecedente criminal. Ao que parece, beberam muito, o que teria facilitado o crime", disse o delegado. Segundo as investigações, um quarto suspeito também teria participado do crime, no entanto, continua foragido.


Fonte: Plantão Policial

Post Bottom Ad