Governador defende sustentabilidade para o desenvolvimento da agricultura no Tocantins

17:37


Considerando o cenário promissor do agronegócio tocantinense, o governador Marcelo Miranda defendeu nesta sexta-feira, 8, durante a solenidade de abertura do 2º Dia de Campo sobre Tecnologias Sustentáveis, o uso de tecnologias para o desenvolvimento sustentável do setor. A solenidade foi realizada na Fazenda Laço de Ouro, no município Almas, onde se encontra uma das 30 Unidades de Referência Tecnológicas (URTs) do Plano ABC (Agricultura de Baixa Emissão de Carbono) do Tocantins.

“Aliar nossa prática produtiva às novas tecnologias é um caminho muito promissor. As práticas implantadas na Fazenda Laço de Ouro são exemplos a serem seguidos pelos produtores tocantinenses. É dessa forma que romperemos as fronteiras do Tocantins e do País, rumo ao mercado internacional, seguindo um novo modelo de produção, que respeite o meio ambiente”, apontou Marcelo Miranda.

Atualmente, dois eixos tecnológicos do Plano ABC são aplicados na Fazenda Laço de Ouro: o da Integração Lavoura-Pecuária-Floresta e a Recuperação de Pastagens Degradadas. Quando foram implantados, as pastagens da propriedade estavam em avançado grau de degradação. "Quando comprei aqui, pensei que tinha pasto, mas não tinha. E depois que foram adotadas essas práticas, começamos ver o resultado. Estamos trabalhando com baixa produção de gás carbônico", ressaltou o proprietário Neiçon Gomes.

Sustentabilidade

Além de ser uma medida rentável para a agropecuária, a implantação de projetos de agricultura de baixo carbono nas propriedades rurais ajudam o País a cumprir os compromissos assumidos na 15ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 15), em 2009: o de promover a redução significativa das emissões de gases de efeito estufa geradas pelo setor.

“Não podemos mais pensar em desenvolvimento sem pensar em sustentabilidade, práticas que defendam a produção sem causar prejuízos à natureza. A nossa orientação para os nossos técnicos e extensionistas rurais é de que os conhecimentos repassados aos produtores sigam o modelo de produção com respeito ao meio ambiente”, disse o governador.

Atualmente, o Tocantins é líder em instalação de URTs, que servem tanto de ambiente de aprendizado para os técnicos responsáveis, como elemento de difusão de tecnologias mais sustentáveis, desenvolvidas especialmente pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e aplicadas pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) e preconizado pelo Plano ABC. O vice-presidente do Ruraltins, Ruy Carlos Beito Costa, reforçou o trabalho desenvolvido pelo órgão. "O Ruraltins está ao lado do produtor rural na implementação das tecnologias na agropecuária", pontuou.

O chefe-geral da Embrapa Pesca e Aquicultura, Carlos Magno, ressaltou a importância do Plano ABC para o desenvolvimento da agropecuária sustentável. Já o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (Faet), Paulo Carneiro, reforçou a importância das parcerias. "Trabalhando juntos, vamos desenvolver muito mais essa região e de forma sustentável", disse.

Dia de campo

Durante o evento, realizado pelo Ruraltins, pela Embrapa e Fazenda Laço de Ouro, em parceria com outras instituições ligadas ao meio rural, foram apresentadas tecnologias do Plano ABC, aplicáveis às condições ambientais do Tocantins, considerando o perfil dos produtores da região.

Acompanhado por sua equipe, o governador visitou as quatro estações do Dia de Campo, onde foram apresentados os seguintes temas: Unidade de Referência Tecnológica Laço de Ouro: Histórico e resultados, Implantação e Manutenção do Eucalipto em Integração Lavoura-Pécuária-Floresta (iLPF); Manejo Reprodutivo de Rebanho de Corte; e Linhas de Crédito Rural do Plano ABC.

1ª Feira Agrotecnológica

Paralelo ao 2º Dia de Campo sobre Tecnologias Sustentáveis ocorre a 1ª Feira Agrotecnológica de Almas, que vai até o final do dia desta sexta-feira. A estimativa é de que cerca de 600 pessoas participem dos dois eventos, entre produtores rurais, técnicos de assistência técnica e extensão rural, estudantes, professores, pesquisadores, consultores, associações, empresas ligadas ao setor, além de organizações públicas e privadas.

Presenças

A solenidade contou com a presença dos secretários de Estado do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária, Clemente Barros; do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura, Alexandro de Castro; da Cidadania e Justiça, Gleidy Braga; dos deputados estaduais, José Salomão e Valdemar Junior; do senador Donizeti Nogueira; do chefe de Gabinete do Governador, Elmar Batista (Cenourão); além de prefeitos e lideranças locais.

Share this

Related Posts

Previous
Next Post »