Hello, nova rede social do criador do Orkut, só chega ao Brasil em agosto - Portal Tem de Tudo Tocantins

Publicidade

Post Top Ad

Hello, nova rede social do criador do Orkut, só chega ao Brasil em agosto

Share This


Hello, a nova rede social do criador do Orkut, já estreou em alguns países, mas só chega ao Brasil em agosto. Na página oficial, há um campo para que brasileiros realizem um pré-cadastro, fornecendo nome e e-mail, para que sejam avisados quando a novidade entrar no ar por aqui. A ideia dessa rede é que ela promova relações e amizades baseadas nos gostos em comum dos usuários.
A expectativa para o lançamento da Hello no Brasil é alta, não apenas por conta de seu criador, Orkut Buyukkokten, mas também pela proposta de tentar ser uma rede social bem mais amigável, sem discursos de ódio ou outro tipo de ataque pessoal, já que o objetivo é "falar de coisas boas". Entenda mais sobre a futura chegada da plataforma ao país e outros detalhes.
Bloqueio de região?
Por ora, a Hello está disponível na Austrália, Nova Zelândia, Estados Unidos e Canadá, locais considerados receptivos para novas plataformas, que entram no ar em caráter de testes. Não há qualquer “bloqueio de conduta” para o acesso de brasileiros, apenas um lançamento estratégico em territórios-chave.
Portanto, ainda que a “fama” dos brasileiros de agitarem as redes sociais tenha sido ressaltada na época do Orkut durante anos, a indisponibilidade da Hello por aqui não tem qualquer relação com esse fato.
Fim do Orkut
Com o fim do Orkut, em 2014, seu criador anunciou que estaria fundando uma nova startup, uma pequena empresa chamada Hello Network. Ela seria encarregada de criar uma nova rede social, a Hello.Com isso, a Hello é chamada pelos próprios criados como “a próxima geração do Orkut”, o que pode ser um indicativo do que devemos esperar das novidades nesta rede social, seja por meio de interação com a plataforma ou forma de se comunicar que ainda previlegia nichos e comunidades.


Atrativos para brasileiros
Assim como em qualquer outra rede social, a Hello promete ter elementos que qualquer usuário brasileiro gosta como fotos, curtidas, comentários e as comunidades, que aqui são chamadas de Personas. Apesar disso, recursos específicos ou exclusivos para o Brasil ainda não foram detalhados.Aplicativo
Até o momento, a Hello parece funcionar apenas por meio de aplicativo para smartphones, disponível paraAndroid e iPhone (iOS). No vídeo oficial da plataforma no YouTube, Orkut Buyukkokten aparece demonstrando o app e sua interface amigável e simples no celular.
Hello é voltado para mobile, mas sem detalhes para navegadores (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)Hello é voltado para mobile, mas sem detalhes para navegadores (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)
Com poucos toques, é possível navegar por meio das Personas, comunidades que unem pessoas com gostos em comum com visual que mixa Facebook e Instagram, e também se conecta a novos contatos por meio delas. “Queremos fazer com que os relacionamentos sejam novamente divertidos”, diz o criador.
Teste de personalidade
Quando entrar na rede social, o usuário será levado a um teste de personalidade. “Leva apenas cerca de quatro minutos e tem múltiplas perguntas”, explica Orkut, ainda no vídeo. Esse teste vai definir quase que automaticamente seus gostos e paixões, definindo suas Personas e sugerir possíveis contatos.
Hello terá teste de personalidade baseado em gosto, como apaixonados por pets (Foto: Divulgação/Hello)Hello terá teste de personalidade baseado em gosto, como apaixonados por pets (Foto: Divulgação/Hello)
O feed vai mudar de acordo com a Persona selecionada pelo usuário. “Se eu gosto de cachorros, clico na opção e verei o conteúdo mudar para algo mais específico sobre pessoas que são apaixonadas por cachorros”, explica o autor.
Onde acompanhar
Enquanto não está disponível no Brasil, a Hello está nas principais redes sociais, Facebook, Snapchat, Instagram, Twitter e Medium, com o nome de Hello Network. É uma boa ideia seguir estes perfis para ficar de olho nas novidades e ser o primeiro a saber quando chegar ao Brasil.
Informações: Techtudo

Post Bottom Ad