Polícia Civil prende dois suspeitos por receptação qualificada em Palmas - Portal Tem de Tudo Tocantins

Publicidade

Post Top Ad

Polícia Civil prende dois suspeitos por receptação qualificada em Palmas

Share This


Policiais Civis da 5ª Delegacia de Palmas, comandados pelo Delegado Evaldo de Oliveira Gomes efetuaram a prisão de Klayton Lima Cavalcante e Tayron Cavalcante Moyano. Ambos os indivíduos são suspeitos pela prática do crime de receptação qualificada e foram presos pelos policiais civis da 5ª Dpc, na tarde da última quarta-feira, 30, sendo que Tayron foi preso em Taquaralto e seu irmão Klayton, em uma faculdade particular no centro da Capital.

Conforme o delegado Evaldo, a ação que resultou na prisão dos irmãos, foi deflagrada após os investigadores da 5ª DPC obterem informações de que Klayton estaria participando de um esquema de compra e venda de mercadorias de forma ilícita pela internet. Diante dos fatos, o indivíduo passou a ser monitorado pela Polícia Civil, sendo que, durante os trabalhos investigativos, os agentes apuraram que Klayton faria uma entrega de aparelhos celulares, a um cliente em um posto de combustíveis de Taquaralto. 

Diante das informações, as equipes da Polícia Civil foram até o local, mas no momento da abordagem, perceberam que se tratava de Tayron, irmão de Klayton, o qual estava em poder de vários aparelhos celulares, de marcas e modelos diferentes, bem como, notebooks, tablets, relógio de pulso, HD externo, um CD player automotivo, um veículo, GM Celta, além de duas embalagens de entrega em nome de Klayton, que seriam entregues a possíveis compradores. 

Ao ser questionado sobre a origem dos objetos, o homem afirmou que estava apenas realizando as entregas dos mesmos. Diante das evidências, Tayron foi preso em flagrante por receptação qualificada. Com base nas informações, os policiais foram até uma faculdade particular localizada no centro da Capital, onde Klayton trabalha como contado e efetuaram a prisão do mesmo. 

Os dois irmãos foram conduzidos a sede da 5ª DPC, onde foram autuados em flagrante por receptação qualificada e, em seguida, recolhidos à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Palmas, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. 
Ainda de acordo com o delegado, durante as investigações, ficou evidenciado que Kayton participava de um esquema ilícito de compra em venda de mercadorias pela internet, utilizando dados bancários de terceiros, sendo que inclusive, ele já tinha vendido celulares sem nota fiscal a Danilo Borges, outro investigado e preso pela polícia civil. Os autuados também tinham o costume de anunciar a venda dos produtos adquiridos ilegalmente, em redes sociais.
  
O delegado Evaldo alerta para o cuidado que as pessoas devem ter ao adquirir produtos de terceiros. “É muito importante que o cidadão que pretenda comprar produtos de terceiros, faça todas as verificações de segurança necessárias, para se certificar de que não está caindo em golpe e adquirindo produtos roubados ou furtados que, na maioria das vezes, são anunciados e vendidos por preços bem abaixo dos praticados no mercado”, ressaltou. 

O delegado ressalta também as pessoas que adquirem produtos de origem ilícita podem responder criminalmente pelo ato. 
Curta nossa fanpage no facebook: Clique aqui! 

Post Bottom Ad