A Hanseníase foi tema de palestra para pacientes da UPA e HMA

09:05
Foto: Ricardo Sottero

A Hanseníase é uma doença ainda bastante incidente na região norte do país e que deixa sequelas nos pacientes. No entanto, a informação e a conscientização são as principais ferramentas de prevenção e tratamento deste mal, que tem cura e é assistido pelo sistema público de saúde.
Para alertar a população sobre a Hanseníase, o Hospital Municipal de Araguaína (HMA) e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Araguaína Sul promoveram palestras rápidas para os pacientes em espera de atendimento na recepção. A atividade aconteceu em comemoração ao Dia
Nacional de Combate e Prevenção da Hanseníase, celebrado no último domingo do mês de janeiro
A fisioterapeuta da Secretaria Municipal de Saúde, Samara Elias Aquino, conversou com o público do HMA e lembrou que a falta de consciência dos perigos da doença ainda é o principal obstáculo a ser superado. “A doença é contagiosa e pode ser transmitida pelo ar, pelo simples contato com a tosse ou espirro da pessoa infectada. Por isso a atenção aos sintomas faz toda a diferença para conter o avanço da Hanseníase, porque muitas pessoas ignoram os sintomas”, informa a fisioterapeuta.
O principal sintoma
A mancha na pele é o sinal mais evidente da Hanseníase. Samara explica que o local pode ser esbranquiçado ou avermelhado, sem pelos, sem oleosidade e com perda de sensibilidade. “A pessoa jamais pode ignorar o aparecimento de qualquer mancha estranha na pele. A orientação é procurar imediatamente um postinho de saúde”.
Tratamento
Como já dito, a Hanseníase tem cura e todo o acompanhamento acontece na rede pública municipal de saúde. Nas unidades básicas, pacientes e pessoas próximas dele são acompanhados por uma equipe formada por enfermeiros, terapeuta ocupacional, fisioterapeuta e psicólogo.
Informação útil
A dona de casa Maiane Batista admitiu que ficou assustada ao saber que uma doença tão grave como a Hanseníase pode ser transmitida pelo espirro. “A falta de sensibilidade da mancha também chamou atenção. É bom a gente saber disso pra ficar mais ligada”.

Share this

Related Posts

Previous
Next Post »