Acusado de matar o universitário Fabrício Martins é preso pela Policia Civil e confessa o crime - Portal Tem de Tudo Tocantins

Publicidade

Post Top Ad

Acusado de matar o universitário Fabrício Martins é preso pela Policia Civil e confessa o crime

Share This


Foi preso na manhã desta quinta-feira 08, Hiago Pereira da Silva de 24 anos , acusado de ser o autor do crime de homicídio contra Fabricio Martins , que desapareceu na noite do último dia 19 de maio em Araguaina

Uma equipe da Policia Civil comandada pelo delegado Rerisson Macedo cumpriu um mandado de prisão contra o acusado, no frigorifico onde ele trabalhava juntamente com Fabricio.

Hiago levou a Policia até sua residência na rua Voluntários da Pátria Bairro São João,

A policia após ter quebrado o sigilo telefônico de Fabricio chegou a conclusão da autoria do crime, 
Hiago confessou ter matado Fabricio e contou como tudo aconteceu.

Segundo Hiago, tudo começou depois que ele fez um vídeo de Fabrício mostrando as partes íntimas dentro de um banheiro do frigorífico, depois ele disse que teria enviado esse vídeo para Fabrício que passou a chantageá-lo, exigindo que Hiago pagasse R$ 4 mil reais para ele, caso contrário ele apresentaria o vídeo no Recursos Humanos da empresa, denunciando o fato.

Segundo o acusado essa negociação durou  cerca de 60 dias. segundo ele, Fabrício passou a pressioná-lo para que
ele arrumasse o dinheiro e foi então que decidiu mata-lo. 

Hiago falou que chamou  Fabrício para ir até sua residência para buscar o dinheiro e lá ele cometeu o crime. Ele relatou que deu cinco facadas nas costas de Fabrício e em seguida amarrou o corpo e enrolou em um lençol. Logo depois disso, Hiago levou a moto da vitima empurrando até o Jardim Paulista onde abandonou o veiculo que foi encontrado pela Policia na manhã do dia 20, segundo ele não sabia pilotar a motocicleta. Ainda segundo Hiago não foi abordado por ninguém e se tivesse sido diria que era falta de gasolina,logo depois ele teria pedido um carrinho de mão emprestado de um amigo e por volta das 2 horas da manhã ele levou o corpo para o córrego Canindé próximo ao Parque Cimba, onde jogou o corpo.
“Fiz tudo sozinho" , afirmou Hiago, que nega a participação de outra pessoa.

Post Bottom Ad